Início Notícias Donald Trump ataca a China no comércio e pede contenção aos protestos...

Donald Trump ataca a China no comércio e pede contenção aos protestos de Hong Kong em discurso à Assembleia Geral da ONU

O presidente dos EUA, Donald Trump, lançou um ataque vigoroso contra a China por causa de suas políticas comerciais durante seu discurso na Assembléia Geral das Nações Unidas na terça-feira, e pediu contenção de Pequim em seu tratamento dos protestos em andamento em Hong Kong.

As duas últimas décadas provaram “completamente errônea” a teoria de que a adesão da China à Organização Mundial do Comércio em 2001 levaria à liberalização de sua economia, ao fortalecimento das proteções da propriedade privada e do Estado de Direito, disse Trump, falando no primeiro dia do debate geral anual do organismo internacional em Nova York.

“A China não só se recusou a adotar as reformas prometidas, como também adotou um modelo econômico dependente de enormes barreiras de mercado, subsídios estatais pesados, manipulação de moeda, dumping de produtos, transferências forçadas de tecnologia e roubo de propriedade intelectual e também segredos comerciais em grande escala”


Um membro da delegação foi visto tomando notas enquanto Trump falava.

Deixe uma resposta

+ Recentes

+ Populares